Voluntárias Beatriz Paula Alcântara e Paloma Dias da Silva: Agentes do BrincarO Projeto Decolar promoveu ontem, dia 02 de julho, um encontro de encerramento das atividades deste semestre, com a participação dos voluntários itinerantes da Escola Estadual Hadla Feres e seus familiares. O encontro foi realizado na própria escola , uma das seis em que o projeto acontece.

A proposta foi apresentar aos pais os resultados da iniciativa, discutir as ações do próximo semestre e fazer a entrega dos certificados aos jovens.

Neste ano, cerca de 40 voluntários itinerantes e fixos, estudantes dos últimos anos do Ensino Fundamental e também do Ensino Médio, participam do projeto, promovendo atividades lúdicas e brincadeiras com crianças de 1ª a 4ª série, durante o horário de intervalo ou aos finais de semana nas escolas. Para desenvolver as ações, os jovens participaram de oficinas de capacitação sobre voluntariado e também ampliaram o seu repertório a respeito de brincadeiras infantis.

Voluntários itinerantes da Escola Hadla FeresEraldo Firmino, professor responsável por acompanhar os jovens nas atividades, destacou a contribuição dos jovens voluntários na promoção de melhorias nas escolas. “O projeto nos mostra a cada dia que é possível mudar algumas situações no ensino. E as escolas precisam de novas perspectivas para o seu trabalho”, ressaltou aos presentes.

Na opinião de Josilene Moreira da Silva, mãe da jovem Tamires Pereira Barboza, o envolvimento dos jovens em trabalhos voluntários é fundamental para a formação do caráter e identidade dos mesmos, principalmente pela possibilidade de convivência com outras pessoas. “A Tamires adora crianças e, com o projeto, se tornou mais comunicativa. Ela aproveitou bastante”.

Voluntária Tamires e a mãe JosileneAs atividades do Decolar serão retomadas no mês de agosto, após as férias escolares. E os jovens já fazem planos, como Patrícia Deodato da Silva, que espera poder colaborar com a diminuição da violência nas escolas, por meio das atividades. “É muito gratificante poder ajudar. Afinal, todos dizem que as crianças são o futuro, não são?”, ressaltou a jovem, que está motivada a conquistar bons resultados com o trabalho.